Da curiosidade à competição: conheça a trajetória do atleta Jonathan Machado no Powerlifting

Conhecido também como Formiga, o atleta fala sobre sua história e o esporte

Publicado em 31/05/2016 in atleta, campeonato, competição, exercício de força, hipertrofia, musculação, powerlifting, suplementos, treino, treino pesado

Jonathan Machado já treinava musculação para hipertrofia há cerca de dois anos quando, em 2005, através de conhecidos na academia que competiam sentiu-se curioso e perguntou sobre o Powerlifting. “Como funciona? É por categoria, como nas lutas?”, indagou aos conhecidos, que responderam que era como no boxe, categorias de leve a pesado. Neste post vamos falar sobre como Jonathan Machado, patrocinado pela Taurus Suplementos, tornou-se atleta de Powerlifting, o esporte, sua rotina e competições.

Ao ouvir como funcionam as competições de Powerlifting, pensou: “eu sou bem leve e o meu peso no supino não é tão fraco”. Convidado a fazer um treino, chegou a pensar que aquilo não seria para ele, tamanho sofrimento e deixou de lado. Tempos depois, Formiga viu um cartaz do Campeonato Gaúcho de Powerlifting que seria realizado em Esteio e sentiu-se motivado a tentar mais uma vez.

Desta vez com mais foco, Jonathan fez um novo treino para ver como poderia se sair na competição. O treinador o elogiou dizendo que ele estava bem e deveria manter o treino específico para força. Assim Jonathan fez por cerca de três meses antes da competição, atentando às regras, e sagrou-se campeão na categoria de estreantes, seu primeiro título.

A rotina de Jonathan não muda muito em comparação o seu dia a dia e a preparação para as competições. “Treino a vida toda, mais para a estética mesmo”, comenta. “Quando chega uma preparação mais específica para competir, eu começo a deixar o treino mais pesado, ele fica mais longo e com cargas maiores”, explica o atleta.

A dieta de Jonathan deve ser bastante equilibrada para que ele tenha força, mas não aumente muito sua massa magra, para não sair da sua categoria, a leve. Para isso, no dia-a- dia, ele mantém uma dieta limpa, investindo em proteínas. Apenas nos dias anteriores aos treinos pesados, o atleta investe em carboidratos para ter energia e aguentar a intensidade dos exercícios.

O Powerlifting

O Powerlifting é composto por três exercícios: o agachamento, o supino, que é a especialidade de Jonathan Machado, e o levantamento terra. No agachamento, os atletas colocam a barra com os pesos em seus ombros e agacham, dobrando as pernas até que seus joelhos estejam no ângulo de 90 graus, em seguida voltam à posição inicial. O supino é realizado deitado de costas no banco de supino, controlando a barra em direção ao peito e impulsionando até a posição inicial. O levantamento terra envolve levantar a barra do chão com os braços esticados e as pernas em 90 graus, até ficar completamente na posição vertical.

Além das categorias divididas por pesos, há também as competições RAW, sem equipamentos, e as Equipadas, como o próprio nome explica. Um desses equipamentos é a camisa de supino, que serve para proteger os ombros no supino. “Tem atletas americanos, russos, que colocavam um peso tão absurdo no supino que chegavam a deslocar a clavícula, caiam os pesos. Até que inventaram a camisa para evitar essas lesões”, elucida Jonathan. “Na realidade, hoje há os campeonatos RAW, que é sem a camisa de supino, e os Equipados, que é com a camisa, pois ela acaba ajudando o atleta com a força. Faz bastante diferença a camisa, ela pode aumentar em 50 kg a força do atleta. Mas ela é difícil de trabalhar, tem que treinar muito pra usar ela, se não só atrapalha”, aconselha Formiga.

Patrocínio Taurus Suplementos

A parceria com a Taurus Suplementos começou em 2012. O ex-treinador de Jonathan já era cliente da Taurus e apresentou o atleta à loja. Conversando, fecharam o patrocínio, sendo a Taurus a empresa responsável por proporcionar os suplementos que Jonathan precisa. “Como a minha dieta precisa ser mais restrita, é importante eu entrar com esses suplementos”, conta o atleta, que investe em whey protein, BCAA, creatina e glutamina. Em épocas de competição, o atleta aumenta as doses de alguns desses suplementos, sempre cuidando para não aumentar o seu peso para não sair de sua categoria.

Jonathan Machado se prepara para as próximas competições. No próximo mês de julho ele participa do Campeonato Brasileiro de Powerlifting, em Veranópolis, e em outubro da Copa Powerlifting, em Porto Alegre. Formiga pretende competir no exterior, como nos Estados Unidos. Veja os principais títulos do atleta:

Últimos Campeonatos importantes

  • Recordista brasileiro de supino com a marca de 217,5Kg, em Marau, no RS

  • Campeão Mundial de Supino RAW, em Córdoba, na Argentina

  • Campeão Mundial IPO e melhor supino de todas as categorias em Veranópolis, no RS

  • Melhor atleta de supino Sul-Americano de todas as categorias no Mundial da Argentina e no Sul-Americano em Veranópolis